terça-feira, 7 de junho de 2016

It's time to try defying gravity

Quem me viu [há um ano, por esta altura] e quem me vê.

[pronto, tarda nada já baixa a extrema neurose, a realização do síndrome de impostor, o medo do princípio de Peter, a agonia da vertigem, o costumeiro e resistente pessimismo. entretanto, é aproveitar. porque melhor que isto, pah, acho que não há. eu cá nunca vi.]


6 comentários:

  1. Respostas
    1. Bigada :) Depois do ano absolutamente horrível que tive, sabe bem as coisas estarem, finalmente, a entrar em bons eixos.

      Eliminar
  2. Este post deu-me ideia para um post.

    ResponderEliminar
  3. Manda as boas ondas que precisa-se. A onda de má sorte ainda não passou.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu sabes que eu mando muito boas ondas (beijinho)

      Eliminar