sexta-feira, 20 de maio de 2016

Under pressure

Fases de meltdown Izziano:

1- Sou uma pessoa muito doente dos nervos.
2- Oh que merdaputacaralhofoda.
3- Puta de vida, pá.
4- A minha vida é uma merda, uma merda!
5- Odeio a minha vida! Odeio!

A subida de 1 a 4 é relativamente suave, passando-se o tempo adequado em cada uma das etapas para a apreciar, saborear, degustar devidamente. Consigo passar bastante tempo no ponto 4. A passagem do 4 ao 5 é, por norma, súbita e imprevisível, e normalmente desencadeada por um percalço completamente fútil, corriqueiro ou insignificante. Por exemplo: num dia muito mau, depois de uma semana muito má, fui a correr ao sweet drop, de propósito, porque tinha acabado (todo!, todo!) o papel higiénico. Saí do estabelecimento ajoujada de mercearias, hortaliças e outros precisandos; chegada a casa verifiquei que tinha esquecido o papel higiénico. Fase 5plus. E, garanto, é de meter medo.
Anyhoo, estou aqui em plateau na fase 4 há coisa de três, quatro dias; aguardo ansiosa qual a merdinhância que me vai lançar na estratosfera do meltdown.

25 comentários:

  1. Respostas
    1. Olha, por acaso não tenho! Vou tratar disso, que casa sem remédios nem é casa.

      Eliminar
    2. Update: como passar do 1 ao 5 em menos de nada:

      1: estar com uma carraspana daquelas em que até respirar dói; 2: ter pedido no dia anterior ao cônjuge que fosse comprar pão; 3: o cônjuge ter feito 1001 coisas, menos comprar pão; 4: estar sem carro, derivado ao cônjuge ter o carro na oficina e ter precisado do nosso; 5: ir tomar banho e o gás acabar a meio; 6: querer fazer algo para comer, mas ups, não há gás, não há fogão; 7: já disse que também não há pão?

      Eliminar
    3. Com isso tudo eu já estava no nível 10 :/ As melhoras!

      Eliminar
    4. É uma boa altura para fazer bolos Lua! De preferência de chocolate e bem molhadinhos.

      Eliminar
    5. Por acaso nesse dia fiz um bolo de chocolate de microondas já que era a única alternativa.

      Eliminar
    6. Tens um forno a gas? Pensei que tinham sido proibidos la com as medidas preventivas do suicidio.

      Hoje estou num desses dias. Esta dificil.

      Eliminar
  2. eu costumo cantar o "puta vida merda cagalhões, porque é que tem de ser assim" e alivia-me um bocadito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sofrer dos nervos devia dar direito a falta justificada, buffet de gelado, ou voucher psi. Ou todos.

      Eliminar
    2. Mas vou experimentar uma cantiguinha. Normalmente sai-me Enapá 2000, derivado de ter muita caralhada.

      Eliminar
    3. (entretanto vou ouvindo rock dos anos 70 e outras cenas dos 80. na grafonola: wham. eu ainda sou do tempo em que jurávamos pelas alminhas que eles eram hetero. e iam casar connosco.)

      Eliminar
    4. Ahahahah, adorei esta constatação de perda de inocência. Meus ricos anos 80, eu também jurava que o George Michael havia de me descobrir e levar-me to the edge of heaven 😬

      Eliminar
    5. Um choque, pá. Um horror. E o pior é que ameaçávamos de pancada os colegas-gajos que diziam que eles eram maricas (naquela altura podia dizer-se maricas), e afinal tinham razão. Não se faz.

      Eliminar
    6. Os colegas-gajos? Eu ameacei o meu próprio avô, pelos Deuses!

      Eliminar
  3. Eu tenho circulado do 1 para o 5 e do 5 para o 1 com uma rapidez que em breve fico bipolar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mãe Sabichona, eu faço plateau no 4 imenso tempo. Felizmente já retrocedi para o 3, este fim-de-semana :P

      Eliminar
  4. Tu és o meu marido?

    ResponderEliminar
  5. Ora, eu estava no 5 derivado da puta da tese quando a senhora do tio mimiro me disse que ia ter de esperar 10 minutos que os pitos ainda não estavam assados. Fase 5++ directo e vai-te embora depressa para não começares a chorar em frente ao balcão dos enchidos. Venha a mim o gelado. E álcool.

    ResponderEliminar
  6. Ora, eu estava no 5 derivado da puta da tese quando a senhora do tio mimiro me disse que ia ter de esperar 10 minutos que os pitos ainda não estavam assados. Fase 5++ directo e vai-te embora depressa para não começares a chorar em frente ao balcão dos enchidos. Venha a mim o gelado. E álcool.

    ResponderEliminar
  7. Ora, eu estava no 5 derivado da puta da tese quando a senhora do tio mimiro me disse que ia ter de esperar 10 minutos que os pitos ainda não estavam assados. Fase 5++ directo e vai-te embora depressa para não começares a chorar em frente ao balcão dos enchidos. Venha a mim o gelado. E álcool.
    (Não consigo entrar como diasdetelha neste tasco!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (atão não consegues, eles estão ali!)

      Lá está, a cena puta de parva que nos catapulta para a estratosfera do meltdown :D

      Eliminar
  8. Eu ando entre o 2 e o 5. Se bem que substituía vida por "trabalho", em todos os pontos.

    ResponderEliminar